VINHO DA SEMANA – Occhio Nero Collezione Imperatore Brunello di Montalcino D.O.C.G.

Compartilhe

Primeiro imperador romano de origem espanhola (98 – 117 d.C) levou as fronteiras do Império ao ponto máximo de sua expansão geográfica. Para comemorar suas conquistas, mandou construir a famosa Coluna Trajano, em Roma, e que até hoje atrai inúmeros visitantes.

Captura de Tela 2015-08-21 às 11.12.02

O vinho Occhio Nero Collezione Imperatore Brunello di Montalcino D.O.C.G. é produzido na região de Montalcino, localizada na província de Siena, região da Toscana. Medieval e bem preservada, a cidade é tombada pela UNESCO como patrimônio arquitetônico da humanidade. Com tendência perfeita para o cultivo das videiras tem a dupla vantagem do clima seco da costa toscana e de possuir em seus melhores vinhedos solos pouco férteis, argilo-calcáreos ricos em galestro (pedras que se desfazem em lâminas com pontas pronunciadas) e a proteção do monte Amiata contra tempestades, o que para a cultura da vide é excepcional, resultando em uvas muito mais concentradas e longevas.

O Collezione Imperatore são vinhos de guarda, safrados, potentes e surpreendentes. Uma homenagem aos grandes Imperadores Romanos e suas conquistas.

Occhio Nero Collezione Imperatore tem lote limitado de 720 garrafas especiais com contra rótulo numerado e são armazenados em caixas de madeira com 6 garrafas em posição horizontal, embaladas em papel de seda.

Vinificação:
Uva Sangiovese.
Envelhecimento: 12 meses em barris de carvalho francês, 18 meses em grandes barris de carvalho eslavo e pelo menos mais 6 meses na garrafa.

Características Organolépticas:
Cor: Vermelho rubi com tons granada.
Aroma: Elegante, intenso e complexo, com notas de anis, frutos silvestres e um leve toque de baunilha.
Paladar: Na boca é quente, de grande estrutura e persistência, com a presença de taninos finos.

Uva:
Sangiovese: Originária da Toscana, Itália, possui cachos e bagas de tamanho médio. É utilizada na elaboração de vinhos Chianti e nos chamados Supertoscanos. Produz vinhos jovens para serem consumidos no dia a dia, de corpo médio, tem uma cor vermelha rubi, tênue e agradável e de sabor enxuto e harmônico. Principais características aromáticas: Concentra aromas de amoras silvestres e carvalho.

Harmonização:
Carnes vermelhas nobres
Massas à bolonhesa
Queijos envelhecidos, bem condimentados

Site: www.occhionero.com.br

Compartilhe

COMENTE SOBRE A MATÉRIA